Integrado num programa alargado de atividades comemorativas que decorrem ao longo de 2018, o jantar dos 100 anos da Poças reuniu na antiga casa dos avós da escritora Sophia de Mello Breyner, hoje propriedade da Universidade do Porto e sede do jardim botânico daquela cidade, mais de uma centena de clientes, fornecedores e amigos da empresa, entre eles vários produtores do Douro.

Uma escolha com simbolismo, cruzando lugares e experiências e mostrando que o vinho fica bem entre cultura e família. Sim, porque a associação à arte e à família tem sido o fio condutor do programa cultural promovido como celebração do centenário, envolvendo artistas como os Capitão Fausto, Afonso Reis Cabral, Companhia de Teatro do Bolhão ou Bordalo II.

E porque celebrar 100 anos também é narrar histórias, este foi um jantar de memórias do passado, muitas memórias, mas sem esquecer também os desafios do futuro.

Créditos: Jferrand

Apresentação dos novos vinhos Poças

Jul 10, 2018

No fim de junho tivemos um almoço de apresentação dos nossos vinhos no nosso centro de visitas. Para além de mostrar as nossas novidades, foi uma oportunidade para mostrar as nossas novas instalações!

Apresentámos o novo vinho Branco da Ribeira 2017, que será o novo vinho topo de gama branco. Produzido a partir de uvas de solo granítico, este vinho pretende enaltecer a diversidade do terroir do Douro e uma homenagem à tenacidade da região. O vinho estará disponível no outono.

Também foi o momento do lançamento dos vinhos Coroa d’Ouro Branco 2017, Coroa d’Ouro Tinto 2016, Vale de cavalos Branco 2017, Vale de cavalos Tinto 2016 e Porto Vintage 2016.

Créditos: Jferrand

Urban Sketchers no Jantar Comemorativo no Jardim Botânico

Out 03, 2018

Durante o jantar comemorativo dos 100 anos, no Jardim Botânico, tivemos connosco um grupo de Urban Sketchers.

Veja a nossa galeria de imagens e as diversas perspetivas e técnicas utilizadas por estes artistas!

Conheça a nossa Quinta das Quartas

Set 15, 2018

É na Quinta das Quartas que se situa o centro de vinificação Poças. Mais do que os 2,5 hectares de vinha, esta quinta destaca-se pela grande cave de envelhecimento de Vinhos do Porto. Aí repousam até 25.000 hectolitros em cascos de madeira, desde meias-pipas de 267 litros até balseiros de 88.000 litros. Na moderna adega vinificam-se desde 1996 as produções de todas as quintas da Poças, num total de 1,1 milhões de litros de vinho. Inclui um pequeno núcleo museológico onde podem ver-se os lagares primitivos, em granito, de 1873.

Manoel Poças Júnior tinha uma grande dedicação por esta sua primeira quinta no Douro. Visitava-a quase todas as semanas, percorrendo os últimos 700 metros a pé, por carreiros pedregosos. Sonhava um dia poder conduzir o seu automóvel até a quinta, o que nunca chegou a fazer, pois a estrada atual só foi aberta mais tarde.

Créditos: Jferrand