A Essência veio a visitar-nos

10 Jan 2019 in  Vinho

O Douro, as vinhas, o terroir, as nossas quintas, o centro de visitas em V. N. de Gaia, o passado, o presente e os projetos e sonhos para o futuro. Tudo isto é abordado no programa A Essência, que passou na RTP3, no dia 5 de janeiro!

Veja o programa e venha conhecer-nos melhor:

Novo lançamento: Poças Branco da Ribeira 2017

Nov 15, 2018

A grande novidade do ano é o lançamento do novo topo de gama Branco da Ribeira 2017 que na estreia recebe 93 pontos da Robert Parker’s WineAdvocate.

O crítico Mark Squires descreve o novo branco da seguinte forma:
“O que é que ganhamos subindo a este nível? Bem, tem mais madeira, mas a grande acidez do Arinto corta a madeira sem esforço. É muito límpido. Tem uma mordida forte no final e aquela fina acidez, que é precisa, elegante e bastante intensa. O final é muito longo. Num ano duro, parece um grande milagre. Também tem algum potencial de melhoria. Certamente que ainda se pode desenvolver—o que é uma coisa boa e necessária de se dizer sobre um vinho jovem nesta faixa de preços. Pode até envelhecer melhor do que se espera. Globalmente, é uma estreia formidável.”
– Mark Squires, Robert Parker’s Wine Advocate

Créditos: Jferrand

Lagarada na Quinta das Quartas

Out 10, 2018
Celebrar 100 anos abre a porta para pensar em novos desafios. Reabilitámos os nossos lagares da Quinta das Quartas e trouxemos o passado para o presente.  Como forma de celebração trouxemos amigos, clientes e colaboradores até à nossa Quinta das Quartas, no Douro (Baixo Corgo).
Veja a galeria de imagens, de um dia de festa. A nossa festa.
Poças, que lagarada!

Créditos: Jferrand

2018: Um ano de novidades vínicas de topo

Nov 30, 2018

A apresentação de vinhos que fizemos este mês, em Lisboa, foi muito especial, pois aproveitámos a celebração dos cem anos da Poças para o lançamento de vinhos DOC Douro de qualidade superior.

O Branco da Ribeira 2017 (pode ver aqui a crítica que Mark Squires, Robert Parker’s Wine Advocate escreveu), o nosso novo topo de gama, apresenta-se com volume e acidez muito viva, reflexo do lugar que lhe dá origem, uma parcela da Quinta Vale de Cavalos, em Numão, no Douro Superior, a 520 metros de altitude e de solos graníticos pouco comuns no Douro.

O Símbolo 2015 é o tinto topo de gama do centenário, segunda edição. Produzido a partir de uvas colhidas na Quinta de Santa Bárbara, no Cima Corgo, o novo Símbolo reflete o ano vínico 2015, com maturações plenas mais cedo do que em 2014, proporcionando um vinho possante e que apresenta já uma expressão aromática completa. Um brinde da natureza para os 100 anos da Poças, brinca o nosso enólogo Jorge Pintão: “O Símbolo 2015 está muito completo e é já muito agradável à prova”.

Durante a apresentação de vinhos estiveram ainda em prova os seguintes vinhos:

  • Poças Reserva tinto 2016
  • Poças 10 Years Old White
  • Poças LBV 2013
  • Poças Colheita 2008

E, claro, o nosso Vinho do Porto Muito Velho, Poças 1918, cuja informação pode ler aqui.

Créditos: Jferrand